Tumblelog by Soup.io
Newer posts are loading.
You are at the newest post.
Click here to check if anything new just came in.
alimentacaodicas6

Como Obter Dinheiro Com Um Pc


Três Ferramentas Que Vão Ajudar Você Escolher O Nome Maravilhoso Pra Tua Loja


Oi criancinhas, tudo excelente? Este post está direcionado para as pessoas que quer construir um web site, porém não sabe onde fazer: blogger ou wordpress? Inicialmente, para que pessoas não domina o blogspot é a mesma coisa que blogger. Fácil de localizar desenvolvedores de templates exclusivos e com preço reduzido. Não é tão profissional quanto o wordpress.


Com relação as estatísticas do blogger, isso talvez pode até ser concertado se a pessoa botar um medidor de estatísticas mais específico. Eu disse que as estatísticas do blogger em si não são tão confiáveis por causa de, algumas vezes, uma mesma pessoa entra no site várias vezes ao dia, e o blogger conta como mais uma visita única.


Tendo como exemplo, se o próprio blogueiro ficar atualizando o teu site por mais de cem vezes, o contador irá mencionar as cem vezes que ele atualizou a página como visita. Nesta hora, o wordpress… o wordpress poderá ser maravilhoso, entretanto quando é PAGO! Quando ele é pago, tem uma gama de recursos para serem utilizados. Mas, mesmo desse modo, pra descobrir templates personalizados tem sido difícil. Você até encontra grátis alguns, contudo são poucos os que agradam. Você poderá comprar, porém acredite, você vai ter de de um cartão internacional para essa finalidade.


A maioria dos templates que você localiza para vender do wordpress, são comercializados em web sites estrangeiros. E quando você enfim encontrar um desenvolvedor brasileiro, pra fazer um template exclusivo, ele te cobra o olho da cara. Eu digo uns 500 reais pra cima! Muito diferente do que a gente compra normalmente por um template personalizado do blogger né?


Pra blogger nós encontramos por aí, por 50,00 em média. Isto pelo motivo de a linguagem que rege o wordpress é o PHP e não o HTML como no blogger. Eu especificamente, escolhi o wordpress por ser mais profissional e por eu ter me encantado pelas estatísticas dele. Dá pra visualizar onde os leitores clicam, que maravilha não? Para as pessoas que trabalha com banners e hiperlinks, é incrível! Comprei a versão paga um tempinho atrás, só para testar como era e é bem melhor!


Agradável, algo que eu aviso, você necessita ter cartão internacional. E para fazer o redirecionamento automático, do teu antigo para o novo .com, você precisará obter este tal redirecionamento. Desta forma, tenha um cartão internacional! Ou se puder, comece logo pelo .COM (pago). Uma coisinha que bem como é bem chata no wordpress é que alguns widgets que encontramos por aí, não funcionam no wordpress, só no blogger. No entanto, no wordpress pago, a maioria é disponibilizado no próprio local wordpress.


Sem precisar procurar muito pela web. O painel do wordpress é sim, um pouquinho mais complicado que o blogger. Todavia não é um bicho de sete cabeças moças. É só colocá-lo em português (para quem não entende inglês) e pronto. Além disso, tem abundantes filmes no youtube ensinando a mexer no wordpress. É só ter um pouquinho de potência de vontade que rapidinho você neste instante se sente em residência.


Conclusão: Se você quer ter um website profissional, eu recomendo que escolha o wordpress. Em tal grau que você poderá até pesquisar, a maioria das blogueiras famosas, tem o website delas em qual plataforma? WordPress. Se você puder ter o wordpress pago, melhor ainda. Tenha cartão internacional para simplificar tua vida. Desta maneira garotas, é isto. Espero ter ajudado de coração. Qualquer indecisão deixem nos comentários.

     
  • Vinte de julho de 2017 às 10:04
  •  
  • três - Otimizar meta description
  •  
  • Blair Eadie - Atlantic Pacific (Estados unidos)
  •  
  • O que é o meu serviço ou produto e o que ele faz
  •  
  • 49: Você dança no automóvel
  •  
  • 19 Wikipédia:Eliminadores/Pedidos de aprovação/Allice Hunter
  •  
  • Capítulo 359

A superior desvantagem dos marketplaces, disparado, é a charada das taxas. As taxas de 10/16/20% e, em alguns casos acima, são bastante complicadas pela hora de entrar nos marketplaces. Se torna insuficiente lucrativo caso você venda alguns produtos somente. Aprenda a calcular a margem de lucro neste local. Claro, tudo depende nesse lugar da margem que você tem no seu produto, postando da nossa experiência, nós trabalhamos com eletrônicos de maneira forte, e todos nós sabemos que, sem escala em eletrônicos você não lucra NADA.


Por isso essa é uma das principais desvantagens dos marketplaces que tem que sim ser levada em consideração caso você ache que realmente compensa entrar nesta universo. Já, não é a única… Alguns dos marketplaces são bastante severos quando referente a cadastro de produtos. Caso você trabalhe com grandes marcas e produtos de ticket mais alto, certamente você terá de ter muitas comprovações para fazer as vendas nos marketplaces.

Tags: blog

Don't be the product, buy the product!

Schweinderl